Prefeituras recebem recursos para melhoria de estradas rurais

Publicado em: 06/03/2015 - 17:27

O dinheiro também será usado para a compra de calcário para pequenos agricultores O deputado Plauto Miró Guimarães (DEM) parabenizou os mais de 500 pequenos agricultores que serão beneficiados com recursos liberados pela Secretaria Estadual da Agricultura e do Abastecimento (SEAB). Várias prefeituras da região dos Campos Gerais receberam nos últimos dias R$ 208 mil para a melhoria das estradas rurais e manutenção dos programas de distribuição de calcário. Os maiores beneficiados são os pequenos produtores. Em Ipiranga, por exemplo, 300 agricultores terão o acesso facilitado às propriedades com a recuperação de mais de 14 quilômetros de estradas. Em São João do Triunfo, 143 famílias poderão fazer a correção da acidez do solo com o calcário. Para isso serão investidos R$ 90 mil na compra do insumo. O chefe da regional da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (SEAB), Laertes Bianchessi, explica que o programa é fundamental para os pequenos agricultores. “Muitas vezes o produtor não consegue comprar o calcário o que compromete a produção”. Em média o produto pode custar até R$ 80 a tonelada, sem contar os custos de aplicação. Um custo alto para esses agricultores. Cada família pode receber até 10 toneladas do produto que é entregue na propriedade. Na maioria dos casos o calcário é incorporado ao solo com os equipamentos das prefeituras. “Grande parte dos agricultores não possuem os implementos necessários para misturar o calcário a terra”, ressalta Bianchessi. As cidades de Ponta Grossa e Porto Amazonas também foram contempladas. No total serão 587 famílias beneficiadas. “Com esse dinheiro será possível recuperar 50 quilômetros de estradas rurais. E uma ação completa a outra. O calcário melhora a produção que pode sair das propriedades em estradas de melhor qualidade direto para o mercado”, enfatiza Plauto. Para o deputado Plauto essas medidas consideradas simples beneficiam também a ponta final da corrente produtiva, o consumidor. “Um produto de boa qualidade terá um preço justo tanto para quem vendo como para quem compra”.  

Mais Notícias

Governo libera recursos para o Contorno Sul em Carambeí A obra vai melhorar o acesso de caminhões
Plauto prioriza Saúde e Educação em emendas para 2018 São aproximadamente R$ 18 milhões para a Santa Casa, UEPG e Apaes